CASTANHAS DE BARU

Nome do produto:
CASTANHAS DE BARU TORRADAS SEM SAL

Espécie: Dipteryx alata
Origem: Cerrado Brasileiro. Colheita Selvagem
HS/NCM: 20081995 / 08029000
Alergias: Castanhas
Tempo de armazenamento: 12 meses
Armazenamento: Armazenar em local fresco e seco
Certificação Orgânica: Em andamento

MAICURU-do-Brasil Baru-nuts

EMBALAGEM

Produto Unidade Caixa Caixa
L x C x A
Palet*
Castanhas de Baru torradas sem sal Peso Líquido: 22.5Kg. Embalado a vácuo em sacos de polietileno metalizado Peso Líquido: 22.5 Kg.
Caixa de papelão contendo 1 pacote com 22.5 Kg.
A: 15 cm
L: 39 cm
C: 58 cm
Peso Líquido:
22.5 Kg
Peso Bruto:
23.1 Kg
C: 120 cm
L: 120 cm
A: 100 cm
30 caixas.
Peso Líquido:
675 Kg
Peso Bruto:
700 Kg

Especificação técnica da embalagem plástica metalizada: SACO NP LAMINADO LISO 545mm X 925mm X 0,240mm com espessura de 120 mícrons. Filme extrudado em até 9 camadas à base de resinas plásticas de copolímero de polietileno (PE) e poliamida (PA), laminado em filme de Poliéster biorientado (BOPET) metalizado, desenvolvido para contato direto com alimentos com excelente vedação e resistência mecânica. A barreira de gás é fornecida pelas camadas de Metalização e PA.

Especificação técnica da caixa de papelão: caixa de papelão ondulado duplo
x medindo 15 cm (A) x 39 cm (L) x 58 cm (C).

Especificação técnica da palete: Palete de madeira de 100 cm x 120 cm em conformidade com as normas e requisitos de fumigação e exportação. Os produtos podem ser personalizados mediante solicitação.

INFORMAÇÃO NUTRICIONAL

Tabela 1.

NUTRIÇÃO
Porção 15 g (17 unidades)

Quantidade por porção %DV(*)
Calorias 80 Kcal/336 kj 4 %
Carboidratos 2.3 g 1 %
Proteina 4.0 g 5 %
Gordura Total 5.8 g 11 %
Gordura Saturada  1.1 g 5 %
Fibre 2.0 g 8 %
Cálcio 21.0 mg 2 %
Ferro 0.6 mg 4 %
Potássio 124.0 mg 6 %
Magnésio 26.0 mg 10 %
Sodio 0.0 mg 0 %

* Os valores percentuais diários são baseados em uma dieta de 2,000 kcal or 8,400 kJ. Seu valor diário pode ser maior ou menor dependendo de suas necessidades calóricas.

O baru (Dipteryx alata) é uma árvore frutífera do Cerrado brasileiro que produz nozes saborosas e altamente nutritivas. Eles são ricos em proteínas, fibras, magnésio, potássio e ferro. Além de seu alto valor energético, o óleo de baru é rico em gorduras insaturadas.

Nossas castanhas de baru são torradas a seco em fornos industriais por 30 minutos a 150°C.

CONTEÚDO MINERAL

Tabela 2.

CASTANHA DE BARU
Conteúdo Mineral (mg/100 g)

Mineral mg/100 g
Cálcio (Ca) 140
Potássio (K) 827
Fósforo (P) 358
Magnésio (Mg) 178
Cobre (Cu)  1.45
Ferro (Fe) 4.24
Manganês (Mn) 4.9
Zinco (Zn) 4.1

Takemoto, E et al (2001)

CONTEÚDO DE AMINOÁCIDOS

Tabela 3.
Composição de Aminoácidos (g/16gN) polpa e castanha de baru
Aminoácido Polpa Castanha Crua Castanha torrada
Valina 3.25 4.49 4.53
Isoleucina 2.46 3.00 2.79
Leucina 4.38 7.15 7.04
Treonina 2.35 3.04 2.95
½ Cistina 0.00 0.00 0.00
Metionina 0.41 0.74 0.84
Tirosina 0.87 2.34 2.10
Fenilalanina 2.37 4.20 4.20
Histidina 1.47 2.10 1.95
Lisina 4.84 5.65 4.17
Triptofano 0.53 1.26 0.92
Ácido Aspártico 10.06 7.47 7.56
Serina 2.67 3.03 2.91
Ácido Glutâmico 8.11 19.18 19.30
Prolina 17.91 4.17 4.20
Glicina 2.98 3.79 3.80
Alanina 3.84 3.64 3.67
Arginina 3.50 7.26 6.99

Togashi & Scarbieri (1994)

ÁCIDOS GRAXOS E TOCOFERÓIS

Tabela 4.
Composição de ácidos graxos (% p/p de ésteres metílicos) e tocoferóis (mg/100 g) dos óleos de semente de baru e amendoim (valores teóricos).
Ácidos graxos/tocoferóis

Valores experimentais
Óleo de Castanha de baru

Valores teóricos
Óleo de Amendoim
Média ± DP Ref.17 Ref.3 Ref.1
C16:0 (palmítico) 7.6 ± 0.3 7.40 6.0-16.0 8.3-14.0
C18:0 (esteárico) 5.4 ± 0.3 3.12 1.3-6.5 1.0-4.4
C18:1 (oleico) 50.4 ± 0.6 50.17 35.0-72.0 36.4-67.1
C18:2 (linoleico) 28.0 ± 0.9 30.70 13.0-45.0 14.0-43.0
C20:0 (araquídico) 1.07 ± 0.03 0.82 1.0-3.0 1.1-1.7
C20:! (gadoleico) 2.7 ± 0.1 0.5-2.1 0.7-1.7
C22:0 (beênico) 2.6 ± 0.1 2.12 1.0-5.0 2.1-4.4
C24:0 (lignocérico) 2.1 ± 0.3 0.5-3.0 1.1-2.2
Não identificado 4.94
Ácidos graxos saturados 18.8 13.46
Ácidos graxos insaturados 81.2 80.87
α Tocoferol 5.0 ± 0.2 4.9-37.3
γ Tocoferol 4.3 ± 0.7 8.8-38.9

Média de 5 determinações; SD = desvio padrão

Takemoto, E et al (2001)

NOSSO
CASTANHAS DE BARU

A castanha de baru da MAICURU DO BRASIL é produzida por uma Cooperativa de Agricultura Familiar Sustentável baseada na Economia Solidária. A cooperativa foi fundada em 2008 no Noroeste de Minas Gerais e promove o desenvolvimento regional sustentável da região, a organização e autonomia dos agricultores familiares e extrativistas e a conservação do Cerrado brasileiro por meio da gestão, beneficiamento e comercialização de nozes de baru.

A castanha de baru é processada em agroindústrias comunitárias, orientadas por profissionais técnicos qualificados que seguem manuais de boas práticas de fabricação que, aliados a uma estrutura produtiva adequada, garantem a qualidade sanitária do produto.

O processo de produção da castanha de baru MAICURU DO BRASIL começa com a coleta e manejo sustentável dos frutos de árvores nativas no território do Vale do Rio Urucuia por agricultores familiares agroextrativistas. Nossa castanha de baru é produzida seguindo um protocolo de produção que define o conjunto de boas práticas ambientais, sanitárias, de higiene, segurança, organização social e rastreabilidade que devem ser seguidas em todas as etapas da cadeia produtiva, incluindo coleta, transporte, armazenamento, processamento e distribuição o produto.

A cooperativa é reconhecida pela Fundação Slow Food para a Conservação da Biodiversidade como guardiã da castanha de baru por meio do Presídio Urucuia Grande Sertão Baru, que atesta a origem boa, limpa e justa dos processos produtivos, ajudando a manter os meios de vida tradicionais, a identidade do povo território, a conservação de paisagens e ecossistemas nativos e da biodiversidade, gerando segurança alimentar e renda para as comunidades locais.

MAICURU-do-Brasil Baru-nuts